Resultados 1 a 3 de 3
  1. #1
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,000

    Números do Facebook que podem ser do seu interesse

    Como parte do processo da oferta inicial de ações ao público em geral, ontem a empresa Facebook submeteu às autoridades americanas um documento contendo vários aspectos da operação, incluindo alguns números que podem ser do interesse dos frequentadores desse forum que pretendem obter renda com anúncios e também daqueles que vendem hospedagem. O documento pode ser acessado no endereço Registration Statement on Form S-1

    Eu considero uma oportunidade rara ter acesso a dados (ainda que não verificados) de uma empresa operando globalmente, ainda mais na escala do Facebook. Vou focar o comentário no rendimento dos anúncios porque eu acredito que tem influencia no mercado de hospedagem. A minha hipótese é que quanto maior a perspectiva com rendimento obtido com anúncios, mais projetos são lançados com a esperança de serem financiados com a renda de anúncios, mais serviços de hospedagem são vendidos para atender essa demanda. Se a perspectiva é de baixa remuneração com anúncios, iniciativas que pretendiam ser financiadas com propaganda tornam-se inviáveis, não sendo lançadas ou são canceladas, usuários que usam serviços gratuitos de hospedagem ficam desmotivados a consumir serviços pagos.

    Vamos aos números (2011) publicados pelo Facebook.

    - 845 milhões de usuários ativos, 100 bilhões de friendship

    -
    85% das receitas são provenientes de anúncios.

    - 56% da receita com anúncios é proveniente dos Estados Unidos (62% em 2010)

    - Fora dos Estados Unidos, a maior parte das receitas do FB é proveniente do Canada,
    dos paises da Europa Ocidental, e da Australia.

    - 12% da receita total do Facebook provém de um único cliente, Zynga.

    - O crescimento da receita de anúncios de Facebook foi devido principalmente ao
    aumento de 42% no número de anúncios publicados e 18% de aumento no preço.

    - Como era previsto pelo FB, o crescimento do número de usuários e receita é
    declinante. A receita cresceu 154% de 2009 para 2010, 88% de 2010 para 2011.

    - Número de usuários ativos
    * 161 milhões nos Estados Unidos (aumento de 16% em relacão a 2010)
    * 37 milhões no Brasil (+268% em relação a 2010)
    * 46 milhões na India (+132% em relação a 2010)



    - Estimativa de usuários FB na população de usuários Internet
    * Chile, Turquia, Venezuela, 80%
    * Estados Unidos e Reino Unido, 60%
    * Brasil, Alemanha, India, 20% a 30%
    * Japão, Russia, Coréia do Sul, 15%

    (Como se pode notar, se o Brasil tem 37 milhões de usuários ativos FB e a estimativa é que esse número representa 20% a 30% da "população Internet", segundo o FB teriamos o incrivel número de 120 a 185 milhões de brasileiros na Internet.)

    Deixando de lado que isso tudo é uma peça de marketing para vender o peixe, o que deve chamar a atenção dos desavisados é que anúncios pagam bem nos Estados Unidos e Europa e podem sustentar projetos grandiosos, mas nos resto do mundo a coisa não é bem assim, o rendimento é baixo ou até inexistente.

    Eu realizei alguns experimentos com o Google AdSense usando um site global e cheguei a conclusões que esses números do Facebook confirmaram, não sendo portanto um problema apenas do Google encontrar anunciantes mundo afora e, mais dificil ainda, encontrar anunciantes que paguem preços similares aos dos EUA e Europa. Aí é que aparece a verdadeira "divisão digital", os empreendedores e inovadores não tem essa fonte de financiamento para tocar seus projetos baseados em propaganda, os provedores e data centers não tem essa demanda de zilhões de pessoas tentando criar novos serviços. Fala-se em digital divide sempre com a imagem do "coitadinho" que não tem um micro ou acesso à Internet, mas esse coitadinho quando tiver esses recursos vai acabaar acessando um site estrangeiro (FB, Youtube, Orkut, Twitter, Mercado Livre) que tem força de mercado para ganhar os melhores anunciantes, dos poucos que já temos. Quanto mais o Facebook cresce no Brasil, menos dinheiro sobra para os projetos brasileiros. Pense nisso.

    PS: Ao amigo provedor, o Google é seu inimigo. Não apenas porque ele oferece hospedagem e dominio gratuitos, mas porque ele suga o financiamento que empreendedores poderiam contar para lançar sites e comprar os seus produtos.
    Última edição por 5ms; 02-02-2012 às 12:31.

  2. #2
    Super Moderador
    Data de Ingresso
    Sep 2010
    Localização
    Procurando...
    Posts
    4,106
    Citação Postado originalmente por 5ms Ver Post

    ....

    PS: Ao amigo provedor, o Google é seu inimigo. Não apenas porque ele oferece hospedagem e dominio gratuitos, mas porque ele suga o financiamento que empreendedores poderiam contar para lançar sites e comprar os seus produtos.

    falou tudo!
    Siga-nos em nosso twitter: @wht_brasil

  3. #3
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,000
    Depois de aprontar tudo o que podia com a Yellow Pages (Páginas Amarelas) nos Estados Unidos, o bondoso Google quebrou a cara na França. Nada comparável aos US$ 500 milhões de dolares de multa que aceitou pagar por ter sido conivente na publicação de anúncios de falsas farmácias, mas já é um começo.

    Earlier this week in a Paris court Google France and its parent company Google were found guilty of anti-competitive practices for offering its mapping service for free to businesses across the country and were ordered to pay the plaintiff, Bottin Cartographes, 500,000 Euros (about $660,000).
    Última edição por 5ms; 03-02-2012 às 17:10.

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •