O DCD Intelligence publicou a primeira das conclusões gerais do Censo Global DatacenterDynamics 2012, um dos principais e maiores levantamentos quantitativos do mundo da indústria de data centers.

Os destaques das conclusões indicam que cresceu o investimento no setor, aumentando a demanda de energia em todo o mundo e um incremento significativo na adoção da terceirização, e, em particular, o uso de colocation.

O censo indica nos resultados que o investimento total em data centers cresceu cerca de 86 billhões de dólares em todo o mundo em 2011 para 105 billhões de dólares em 2012, incremento de 22,1%.

"Nossa previsão para 2013 mostra uma taxa de crescimento mais lenta, mas ainda muito saudável, 14,5% acima dos níveis de 2012, com um investimento adicional de 15 billhões de dólares”, diz Nicola Hayes, diretora da DCD Intelligence.

América Latina

Houve crescimento significativo no setor de data center na América Latina nos últimos 12 meses, embora o mercado permaneça fragmentado em toda a região. Investimento no setor cresceu 31,4%, de 10,5 bilhões de dólares em 2011 para 13,8 bilhões de dólares em 2012.

A maioria das instalações ainda pertence ou é operada por usuários finais e em pequena escala, em relação ao tamanho individual de data center. A região tem a menor porcentagem global de empresas de terceirização de operações de data center para um provedor de colocation. Esse resultado deverá acentuar-se ao longo dos próximos anos com o amadurecimento do mercado e a modernização e ampliação das instalações de colocation.

O estudo também aponta crescimento dos requisitos de energia na América Latina, com aumento de 41,2% nas exigências nos últimos 12 meses. Estima-se, que a demanda por soluções de colocation e terceirização no setor seja aditivada.

Áreas impulsionadas

De acordo com o estudo, o maior aumento (22,5% na esfera mundial) em investimentos (2011/2012) estão localizados na gestão de instalações e da área mecânica e elétrica, incluindo áreas como a distribuição de equipamentos eléctricos e comutação, UPS, geradores, refrigeração, equipamentos de segurança, sistemas de extinção de incêndios e de gestão de infra-estrutura de data center (aumento global de 22,5%).

Nicola afirma que grande parte do crescimento do investimento no setor está sendo impulsionado pelo incremento em mercados menos desenvolvidos. “Embora continuemos a ver o crescimento nos mercados maduros dos centros de dados na América do Norte e Europa Ocidental. Regiões como a Ásia Pacífico e América Latina são o que realmente conduzem os níveis de investimento em Data Centers em todo o mundo. "

Mais crescimento em 2013

A tendência mundial de data centers "white space" [área em um data center que abriga equipamentos de TI] em todo o mundo cresceu a um índice relativamente baixo [ 8,3%] a partir de 24 milhões de metros quadrados para 26 milhões. A previsão é que em 2013 esse aumento seja maior com 19,2% e 31 milhões de metros quadrados.

Houve um aumento significativo na adoção da terceirização em todo o mundo - especialmente colocation - nos últimos 12 meses (até 31,3% a partir de 16 bilhões de dólares para 21 bilhões de dólares) e deverá continuar, com incremento adicional de 5 bilhões de dólares em 2013.

De acordo com análises do estudo, as razões desses resultados nas economias ocidentais incluem a necessidade em tempos econômicos difíceis para reduzir o CAPEX e a complexidade crescente no setor de data centers.

O crescimento mais rápido da terceirização, no entanto, ocorre na região da Ásia-Pacífico, onde o crescimento em grande escala de instalações compartilhadas no estado está incentivando as empresas a terceirizar em vez de alugar ou comprar seu próprio espaço.

Zahl Limbuwala, presidente do Grupo Especialista BCS Data Center (cujos 1,4 mil membros representam fortemente todas as funções e facetas da indústria da engenharia, software ou na rama legal) avalia que os resultados do Censo da Indústria DCD 2012 apoiam amplamente as tendências qualitativas observadas no ano passado.

link: TI Rio