A Huawei juntamente com a operadora européia Vodafone, anunciaram o teste bem sucedido das tecnologias de transmissão por fibra ótica de 2 Tbit/s na rede live da Vodafone. O teste de campo atingiu capacidade de transmissão de 2 Tbit/s por mais de 3.325 km. Isso fornece um caminho de alta velocidade para dados com capacidade 20 vezes superior ao dos sistemas atualmente disponíveis comercialmente de 100 Gbit/s e tem velocidade equivalente ao download de 40 vídeos HD em um segundo. Isso marca um importante passo rumo ao avanço da tecnologia de transmissão ótica para além de 100G.


O tráfego nas redes backbone dos prestadores de serviços está crescendo exponencialmente, estimulando o momento global para implementações comerciais de 100G e chamando a atenção para a transmissão ótica além de 100G. Aproveitando tecnologias inovadoras como flex oDSP, super SD-FEC e formato de modulação flexível, esse teste de campo obteve uma transmissão recorde por uma distância de 1500 km usando uma solução de alta eficiência espectral baseada no super-channel PDM-16QAM, e uma segunda transmissão recorde por uma distância de 3325 km usando uma solução ultra-long-haul baseada no super-channel Nyquist PDM-QPSK. Ambas as transmissões ocorreram em um link com fibras G.652 e amplificadores de fibras dopadas com érbio (EDFAs) sem regeneração elétrica. O link usado nesse teste foi o da rede backbone da Vodafone, passando por algumas cidades do centro e sul da Alemanha.

“Estamos na liderança das implementações globais 100G e assumimos a liderança no fornecimento de inovações-chave em tecnologias além de 100G. Por meio da colaboração com a Vodafone e outras operadoras internacionais líderes e P&D centrada nos clientes, a Huawei está sempre pronta para criar redes óticas avançadas para seus clientes”, declarou Jack Wang, presidente da linha de produtos para transmissão em rede da Huawei.

Para ajudar os clientes a otimizarem suas arquiteturas técnicas gerais e adotar a próxima geração de transmissão em redes, a Huawei realizou o primeiro teste de campo do mundo para WDM 2T e um teste de campo pan-europeu de 400G em 2012, além de revelar uma série de conquistas em pesquisas científicas para a transmissão ótica. De acordo com Ovum, a Huawei é a primeira do ranking dos mercados WDM/OTN, 40G, 100G e de redes óticas globais até o terceiro trimestre de 2012.
Fonte: Huawei conclue teste de campo de fibra ptica WDM de 2 Tbits/s [ Adrenaline.com.br ]