Dados divulgados pela Serasa Experian mostram os reflexos da desaceleração da economia

O ano não começou nada bem para os donos de pequenos e médios empreendimentos. De acordo com dados divulgados nesta quinta-feira, dia 7 de fevereiro, o número de falências pedidas por micro e pequenas empresas em janeiro deste ano foi 60% maior em relação ao movimento observado no mesmo mês do ano passado. Foram 112 pedidos em 2013 contra 70 em 2012.

No caso das médias empresas, a situação permaneceu estável - houve alta de apenas um caso - de 31 para 32 pedidos.

O problema das médias empresas diz respeito às falências decretadas. Em janeiro deste ano, foram 12 pedidos - em janeiro do ano passado foram apenas três. No caso das micro e pequenas empresas, também houve alta neste quesito - os números pularam de 29 para 34 falências decretadas.

A alta atinge até mesmo os pedidos de recuperação judicial entre micro e pequenos empreendimentos, que saltaram de 42 solicitações para 72 pedidos - também observando a mesma comparação entre janeiro deste ano e o mesmo mês de 2012.
Ano n