Resultados 1 a 2 de 2
  1. #1
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,032

    Brasil tem pior deficit com exterior em 66 anos

    É bom ter cuidado com comprometimentos no exterior porque a história mostra que o governinho poderá lançar medidas para segurar o deficit.

    O deficit registrado no mês de janeiro chegou a US$ 11,4 bilhões (cerca de R$ 22,5 bilhões, em valores de hoje).

    O número é o maior desde o início da série histórica, iniciada em 1947.

    No quesito gastos no exterior, os brasileiros superaram indicadores anteriores e deixaram US$ 2,29 bilhões fora do país em viagens no mês passado, um crescimento de 14,6% ante dezembro de 2012. Já os gastos de turistas que vieram para o Brasil cresceram 4,4%.

    Estimativas do próprio BC já indicavam que o resultado das transações comerciais e de serviços seria negativo
    -contudo, o valor dessa projeção era de US$ 8,3 bilhões. Em 12 meses, o deficit total chega a US$ 58,6 bilhões, o equivalente a 2,58% do PIB.
    Folha de S.Paulo - Mercado - Brasil tem pior deficit com exterior em 66 anos - 23/02/2013
    Última edição por 5ms; 23-02-2013 às 09:21.

  2. #2
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,032
    A entrada de Investimento Estrangeiro Direto (IED) foi de US$ 3,7 bilhões, no mês passado, muito inferior à de janeiro de 2012 (US$ 5,4 bilhões) e à média mensal do ano passado, de quase US$ 5,7 bilhões.

    Em resumo, o Brasil está importando cada vez mais - e, assim, reduzindo o superávit da balança comercial, que vinha sendo um dos pontos fortes do balanço de pagamentos nos últimos anos. Entre 2011 e 2012, o peso dos importados no consumo doméstico de produtos industriais aumentou de 23,1% para 23,5% e chegou ao maior nível histórico, segundo estudo distribuído ontem pela Fiesp.

    No curto prazo, há pouco a fazer para alterar a trajetória das contas cambiais. De fato, os analistas continuam esperando que elas melhorem nos próximos meses. Mas ainda falta contabilizar, provavelmente até o mês que vem, US$ 2,7 bilhões em importações de derivados de petróleo feitas no ano passado. E as projeções do mercado para este ano são de um déficit de US$ 70 bilhões nas contas correntes, quase 30% superior ao de 2012 (US$ 54,2 bilhões) e acima dos US$ 65 bilhões estimados pelo Banco Central para 2013, mostrou relatório distribuído ontem pela instituição.

    O mais provável é que o déficit projetado para este ano seja, mais uma vez, financiado pelo investimento estrangeiro - o que depende de que outros países não se mostrem mais atraentes do que o Brasil.

    As contas teriam sido piores, em janeiro, sem o retorno de US$ 4,3 bilhões de recursos brasileiros no exterior e sem o ingresso de US$ 3,3 bilhões para aplicações em bolsa.
    As contas cambiais pioram um pouco mais - economia - versaoimpressa - Estad

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •