Resultados 1 a 6 de 6
  1. #1
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,051

  2. #2
    Moderador
    Data de Ingresso
    Oct 2010
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    2,679

  3. #3

  4. #4
    Moderador
    Data de Ingresso
    Oct 2010
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    2,679
    O que eu acho é que parte da culpa está nos grandes provedores de conteúdo. A Netflix, por exemplo. Porque dar exclusividade a um carrier único (como a L3) ou dois? Porque não conectar-se a múltiplos carriers diretamente? Não só isso ajuda a diminuir a carga no trânsito, como ajuda a acelerar o alcance até o usuário final (na teoria ASes directly connected seriam mais rápidos, nem sempre é verdade isso sabemos, mas aí seriam regimes de exceção com routing policy diferenciada).

  5. #5
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,051
    Naquele seminário sobre CDNs que ocorreu outro dia em NYC (vou procurar o link), a Netflix fez uma apresentação mostrando a evolução de como distribuem conteúdo. Eles percorreram todo o caminho de colocation, POPs, CDNs, e agora estão copiando a arquitetura da Akamai, instalando cache servers em provedores de acesso. Isso já está dando um bate-boca danado porque não tem como os provedores de acesso cumprirem "neutralidade da rede" se cada provedor de conteudo passar a querer instalar racks em seus espaços.

    PS: Aqui o link citado:
    Download Presentation



    PS2: Aqui uma análise rápida do Google Global Cache, em muitos pontos também uma cópia escarrada da arquitetura Akamai
    http://www.mediasla.com/index.php?vi...e-global-cache
    Última edição por 5ms; 20-06-2013 às 01:31.

  6. #6
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,051
    Citação Postado originalmente por cresci Ver Post
    na teoria ASes directly connected seriam mais rápidos, nem sempre é verdade isso sabemos, mas aí seriam regimes de exceção com routing policy diferenciada).
    Isso me lembra uma das melhores discussões de todos os tempos (IMO) que eu acompanhei no WHT-US porque violava o bom senso, ou pelo menos, o senso comum. A questão surpreendia porque um data center com conexão direta ao backbone da Comcast oferecia desempenho inferior aos clientes da operadora comparado com conexão a um grande carrier e daí interconexão com a Comcast.

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •