Resultados 1 a 9 de 9
  1. #1
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,050

    A imaturidade do IPv6

    Não, não estou reclamando da instabilidade ou latência das rotas. Não faltariam casos, como o ocorrido ainda ontem na conexão entre Choopa (NJ) e OVH (CA) -- o problema é mais básico. Vamos lá:

    A Online.net implementou IPv6 de uma forma mais inteligente, ou menos feijão-com-arroz, que os vendedores de mariola que estão por aí. O cliente tem à disposição um bloco /48 que pode ser ou não dividido (em subnets) como bem entender. A atribuição a um determinado servidor é realizada através de DHCP com o uso de um identificador único (UID) da subnet. A vantagem dessa abordagem é que você tem failover com IPv6. Como as subnets não estão associadas a nenhum servidor (através de MAC address, por exemplo) basta usar o UID em outro servidor para passar a receber o tráfego dos IPv6s da subnet. Isso no papel.

    Na prática, não apenas os servidores DHCPv6 que acompanham as distribuições Linux são cheios de bugs, assim como os que correm por fora, como o dibbler, também são instáveis e dependentes dos humores dos deuses. Como a maioria das configurações por aí não obtém IPv6 rodando um cliente DHCPv6 no servidor, essa classe de software está longe de ser confiável, conforme atesta qualquer pesquisa na Internet.

  2. #2
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,050

    Resumo

    Posté 27 juin 2014

    Il ne s'agit pas que de documentation. Les problèmes que j'ai remarqué sont:

    - instabilité des clients DHCPV6, en particulier les clients standards de plusieurs distributions Linux majeures (personnellement testé avec dhclient et un backport de dibbler sur Ubuntu 12.04 mais d'autres horror stories ont été rapportées sur ce forum aussi bien avec dhclient que dibbler, je vais sans doute bientôt tester avec Ubuntu 14.04)
    - La configuration recommandée nécessite l'installation de logiciels non standards sur plusieurs OS/distributions (dibbler)
    - Mauvaise intégration de ces clients avec le fonctionnement standard de certaines distributions (ex: problèmes de resolv.conf, mauvaise intégration aux fichiers de config standard, etc.)
    - absence de client correct sous Windows
    - le principe même du DHCPV6 avec prefix delegation est déjà en soi complexe.


    Votre architecture est très ingénieuse et à, en théorie, de nombreuses qualité. Sauf qu'elle est inutilisable en production sans efforts importants. Votre ancienne architecture avait au moins un mérite: elle marchait sans qu'on ai à se poser de questions...

    Dit autrement: tant qu'on ne pourra pas installer une Dedibox avec une IPV6 aussi simplement qu'avec une IPV4, cela voudra dire que l'infrastructure IPV6 d'Online n'est pas tout à fait au point. Je rappelle que les concepteurs d'IPV6 avaient dans l'idée de rendre son utilisation plus simple que celle d'IPV4. Ça n'est, pour le moment, pas le cas chez Online.


    Au choix on peut avoir :


    - statique
    - SLAAC
    - stateless + DHCP v6
    - stateful (DHCP v6)

    Pour des raisons évidentes de sécurité, il faut que Online soit au courant des associations MAC / adresse IP sur son réseau et il faut pouvoir conserver la possibilité d'obtenir une délégation sur chaque bloc sinon à quoi bon avoir un bloc /48. En prenant en compte cela, l'adressage statique apparaît bien trop rigide car trop peu adapté aux machines virtuelles et trop contraignant dans sa gestion, SLAAC autrefois utilisé est trop limité.
    On tombe clairement face, non pas face à un problème d'architecture réseau, mais bien face à un problème logiciel et là c'est le peu d'entrain à adopter IPv6 qui se fait ressentir.
    http://forum.online.net/index.php?/t...ebian-7/page-3
    Última edição por 5ms; 07-07-2014 às 18:38.

  3. #3
    Ainda estou meio voando com esses IPV6
    Hospedagem Dedicada & Revenda Master. CloudHosp - Soluções Corporativas

  4. #4
    Tenho uns clouds na OVH que já vem com IPV6
    Hospedagem Dedicada & Revenda Master. CloudHosp - Soluções Corporativas

  5. #5
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Jul 2011
    Posts
    1,038
    O mais comum em IPv6 é usar SLAAC, não DHCP... talvez por isso o DHPCv6 tenha enroscos, mas estou só especulando. Eu sempre usei SLAAC, e depois que o SLAAC passou a mandar também informação de DNS, não vejo mais motivo para uso de DHCPv6. Talvez em redes corporativas faça sentido, mas para servidores, não vejo. Ou IP estático, ou SLAAC com alguma sinalização OTT (ex: update de DNS dinâmico, Heartbeat etc.) para incluir o servidor no workload.

  6. #6
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,050
    Não entendeu nada

    Não tem aplicação que faça mais sentido que em servidores dedicados e VPS.

  7. #7
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Jul 2011
    Posts
    1,038
    Se quer fazer do seu jeito, não esqueça então de consertar os bugs no software que utiliza...

  8. #8
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,050
    Para quem não entendeu, não estou falando em alocação dinâmica de IP e sim em delegação dinâmica de subnet.

  9. #9
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,050
    Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    Se quer fazer do seu jeito, não esqueça então de consertar os bugs no software que utiliza...
    Triste resposta.

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •