Resultados 1 a 3 de 3
  1. #1
    Novo Membro
    Data de Ingresso
    Aug 2014
    Posts
    1

    Instalar o módulo EPP do registro.br no WHMCS

    Boa tarde,
    Encontrei um tópico similar ao a minha dúvida, mas sem resposta. Então achei legal criar esse tópico para que se outras pessoas tiverem o mesmo problema "e certamente terão" sanar de vez a dúvida.


    Baixei o arquivo whmcs-registrobr-epp-master.zip pelo site https://github.com/registrobr/whmcs-registrobr-epp


    Na instrução https://github.com/registrobr/whmcs-...ORTUGUESEHOWTO fala que tem que dar o comando

    Código:
    install.sh <servername> <docroot> <whmcsdir> <whmcscrons>

    Mas acho que eles pularam uma parte.

    Dentro do arquivo whmcs-registrobr-epp-master.zip existe outras pastas, como:

    2FqssZ8.jpg


    Tem que enviar o arquivo ZIP ou somente as pastas?
    Para onde enviar e dar o comando SSH?


    Alguem poderia ajudar nesse passo a passo?

  2. #2
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Nov 2010
    Localização
    Rio de Janeiro - RJ
    Posts
    2,291
    O peca no Registrobr é sua soberba a pressupor que todo mundo é funcionário de l á e trabalhou no desenvolvimento do módulo... tudo lá é complicado, de uma simples transferência a documentação para implementação do módulo para acesso a sua API. Que falta faz um livre comércio disso aqui no Brasil.

  3. #3
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Jul 2011
    Posts
    1,038
    Citação Postado originalmente por tekobr Ver Post
    O peca no Registrobr é sua soberba a pressupor que todo mundo é funcionário de l á e trabalhou no desenvolvimento do módulo... tudo lá é complicado, de uma simples transferência a documentação para implementação do módulo para acesso a sua API. Que falta faz um livre comércio disso aqui no Brasil.

    Cross-posting:

    Todo registry é um monopólio, pois apenas uma organização pode administrar um banco de dados de identificadores únicos. O .com e o .net são exclusivos da Verisign, o .biz da Neustar, o .info da Afilias... é que como pouquíssimas empresas aqui no Brasil são autorizadas pela ICANN para contratar diretamente da Verisign e demais registries o registro de gTLDs, elas se tornam revendedoras de outras. A política do .br tanto é mais inclusiva que há mais de 60 empresas autorizadas a revender .br diretamente do registry, quando há só 6 que podem fazer isso com gTLDs. Há diferenças de políticas entre o .br e os gTLDs, assim como há de outros ccTLDs, e muitas das políticas dos gTLDs que parecem legais por serem mais simples não resistiriam à validação legal no país. Isso só não dá muito problema porque há poucos domínios não .br registrados por aqui: mais de 80% dos domínios registrados por empresas e pessoas físicas do Brasil são .br, então o volume de problemas com os gTLDs é contido por isso. Ou talvez pela falta de quem processar, pois citar a eNom, a ICANN ou a Verisign num processo judicial é bem mais complexo...

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •