Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
Resultados 1 a 10 de 11
  1. #1
    Aspirante a Evangelist
    Data de Ingresso
    Jul 2012
    Posts
    352

    Enem exige e-mail dos candidatos

    Enem exige e-mail dos candidatos

    Deixar de enviar os cartões de confirmação de inscrição pelos Correios gerará economia de quase R$ 18 milhões

    Os candidatos que pretendem fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e não possuem e-mail terão que providenciar um para fazer a inscrição. O Ministério da Educação rejeitará a inscrição de mais de um candidato com um mesmo e-mail. Além disso, só enviará os cartões de confirmação de inscrição pela internet.

    De acordo com o ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, deixar de enviar os cartões pelos Correios gerará uma economia de quase R$ 18 milhões. “A internet está se generalizando. Com ela, garantimos uma economia que não é pequena”. No cartão de confirmação estão o local de prova, a opção de língua estrangeira e as informações pessoais do candidato.

    O ministério exigirá que cada participante se inscreva com um e-mail. Renato Janine explica que nos anos anteriores houve casos em que uma escola disponibilizava um endereço eletrônico e inscrevia vários alunos. "Isso é simpático, considerando as pessoas com dificuldade de acesso à internet. Mas não garante que a pessoa recebeu a mensagem. Se tivermos e-mails cadastrados para cada candidato poderemos ter certeza que todos receberam e não estão fora do sistema por falta de informação", diz.

    saiba maisAluno nota mil do Enem dividia tempo entre curso técnico, cursinho e estudos

    O Enem será nos dias 24 e 25 de outubro. As inscrições serão feitas pela internet, no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, entre as 10h do dia 25 deste mês e 23h59 do dia 5 de junho, no horário de Brasília.

    A MEC anunciou também novas medidas de segurança. A entrada dos alunos será permitida até as 13h no horário de Brasília. As provas, que antes começavam a ser aplicadas também às 13h, agora terão início às 13h30. Nestes 30 minutos, os candidatos poderão passar por revista com detector de metais.

    “Uma mudança que parece simples, mas tem impacto de segurança muito grande. Todos os alunos que entrarem no local da prova colocarão o celular em um pacotinho [com lacre e distribuído no local]. Durante meia hora, vários testes serão feitos, por exemplo, com uso do detector de metais”, explica Francisco Soares, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, autarquia ligada ao MEC e responsável pelo exame.

    De acordo com Soares, os malotes com as provas serão abertos após os testes de segurança. Esse ano, haverá um controle mais rígido da abertura dos malotes com as provas, para que ocorra ao mesmo tempo em todo o país. Isso evitará vazamentos, como ocorreu no ano passado com o tema da redação, horas antes de o exame começar. “Com meia hora a mais, o malote será aberto com testemunhas, com mais gente no lugar”, diz referindo-se aos candidatos que estarão no local.

    A expectativa é que 9 milhões de candidatos se inscrevam no Enem. A prova será aplicada em 1.714 municípios. No ano passado, cerca de 6,2 milhões fizeram o exame.

    A nota das provas podem ser usadas para o candidato participar de programas como o Sistema de Seleção Unificada, que disponibiliza vagas no ensino superior público; o Programa Universidade para Todos, que oferece bolsas em instituições privadas; e o Sistema de Seleção Unificada do Ensino Técnico e Profissional, que garante vagas gratuitas em cursos técnicos.

    A participação no Enem é pré-requisito para firmar contratos pelo Fundo de Financiamento Estudantil, obter bolsas de intercâmbio pelo Programa Ciência sem Fronteiras e certificação do ensino médio.
    http://epocanegocios.globo.com/Infor...andidatos.html
    Última edição por Arr; 15-05-2015 às 12:40.

  2. #2
    Aspirante a Evangelist
    Data de Ingresso
    Jul 2012
    Posts
    352
    Esse não é o país da piada pronta?

    Taxa de inscrição do Enem praticamente dobra e sobe para R$ 63 em 2015


    Taxa de inscrição do Enem praticamente dobra e sobe para R$ 63 em 2015
    Mudança deve significar R$ 60 milhões a mais de arrecadação e foi anunciada nesta quinta (14), em coletiva no MEC. Provas serão em 24 e 25 de outubro, e expectativa é de que 9 milhões de candidatos participem

    Kelsiane Nunes /Especial para o Correio

    Kelsiane Nunes/Esp. CB/D.A Press O secretário executivo do MEC, Luiz Cláudio Costa; o ministro, Renato Janine Ribeiro; e o presidente do Inep, Chico Soares
    Na tarde desta quinta-feira (14), em entrevista coletiva do Ministério da Educação (MEC), o ministro, Renato Janine Ribeiro, anunciou mudanças no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano. A primeira delas é o aumento da taxa de inscrição, que passa de R$ 35 (valor praticado desde 2004) para R$ 63. A nova cobrança se deve ao ajuste fiscal, que afeta também o setor da educação. O objetivo também é adequar os custos do exame já que a minoria dos participantes paga para fazer a prova. O aumento da taxa deve significar em torno de R$ 60 milhões a mais na arrecadação.

    O reajuste se restringe a alunos de escolas privadas que não sejam de baixa renda (que correspondem a 26,48% dos participantes do exame), já que estudantes da rede pública e pessoas com renda familiar de até 1,5 salário mínimo têm direito à isenção da taxa. "A proporção (das pessoas que pagam) é pequena, e acreditamos que o aumento terá efeito mínimo na redução das inscrições", observou o ministro.

    Neste ano, o cartão de inscrição será enviado por e-mail e não mais por Correio para diminuir os custos. Só com essa medida, segundo o ministro da Educação, serão economizados R$ 18 milhões.

    Outra mudança pretende diminuir o número de faltas entre os candidatos e determina que quem faltou à prova sem justificativa só possa se inscrever novamente pagando a taxa de inscrição, mesmo que se encaixe nos perfis que têm direito à isenção. Em 2014, cerca de 29% dos inscritos não fizeram a prova.

    Todas essas medidas devem fazer com que o custo de aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio fique 20% mais barato em 2015.

    Data da prova

    O edital do Enem deve ser publicado até a próxima semana, e o exame será aplicado em 24 e 25 de outubro. A expectativa é que 9 milhões de candidatos façam a prova. Em 2015, os malotes de prova só serão abertos 30 minutos após o fechamento dos portões (que ocorre às 13h) nos locais onde o teste for aplicado. "A mudança é fruto de uma análise ampla sobre segurança, que sempre pode ser melhorada", comentou Chico Soares, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), sobre a alteração. 850 mil pessoas devem trabalhar na aplicação do exame este ano.

    Enem digital
    A ideia de fazer um Enem digital deverá ser adiada. "Este ano nós não temos dinheiro ainda para fazer", disse o ministro Renato Janine Ribeiro.

    Correção das provas
    Ao acessar o espelho da redação do Enem, de 2014, o estudante Francinaldo Guedes Pereira, 16 anos, da Paraíba, descobriu que tirou 600 pontos na redação mesmo após ter escrito uma brincadeira sobre a data do aniversário dele. Mesmo assim, Chico Soares afirmou que as redações estão sendo corrigidas por meio de um sistema confiável quando questionado sobre o assunto.


    Fies
    Sobre o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), o ministro Renato Janine Ribeiro disse que está em negociação com o Ministério da Fazenda para conseguir fazer novas contratos.

    Inclusão
    Na edição deste ano os alunos que comprovarem com laudo médico ter descalculia – distúrbio de aprendizagem com números – poderão solicitas o recurso de ledor e transcritor nos dias das provas. Outra medida que visa a inclusão é direcionada aos travestis e transexuais. Eles poderão utilizar o nome social e utilizar banheiros de acordo com a opção sexual. Para isso é necessário solicitar o atendimento entre 15 e 26 de junho.
    http://www.correiobraziliense.com.br...ara-r-63.shtml

  3. #3
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,033
    'A internet está se generalizando.'

    Com má vontade, a afirmação implica que não é geral ainda. Não deveria ser usada como único canal de comunicação para uma prova de âmbito nacional.

  4. #4
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,033
    BTW
    Quase um quarto da população ainda não tinha celular em 2013



    Apesar de a quantidade de linhas de telefone celular ativas no Brasil superar o número de habitantes, quase um quarto (24,8%) da população do País com 10 anos de idade ou mais não tinha o aparelho em 2013, segundo dados de um suplemento especial da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) ...

    De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), porém, o número de linhas era bem maior nessa época, superando os 271 milhões. Até fevereiro de 2015, esta quantidade avançou ainda mais, para além dos 282 milhões, incluindo linhas pré e pós-pagas.
    Última edição por 5ms; 15-05-2015 às 12:51.

  5. #5
    Aspirante a Evangelist
    Data de Ingresso
    Jul 2012
    Posts
    352
    Calma, a Dilma já combinou com o Zucka, nos próximos anos a inscrição será pelo Facebook

    Enem digital
    A ideia de fazer um Enem digital deverá ser adiada. "Este ano nós não temos dinheiro ainda para fazer", disse o ministro Renato Janine Ribeiro.

  6. #6
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,033
    Sucker e a trapaça do internet.org. Tudo a ver com Dilma e o PT.

  7. #7
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Jul 2011
    Posts
    1,036
    Citação Postado originalmente por 5ms Ver Post
    'A internet está se generalizando.'

    Com má vontade, a afirmação implica que não é geral ainda. Não deveria ser usada como único canal de comunicação para uma prova de âmbito nacional.
    Com variações entre uma pesquisa e outra, algo como metade da população tem acesso. Assim, a outra metade está na roça...

  8. #8
    Aspirante a Evangelist
    Data de Ingresso
    Jul 2012
    Posts
    352
    A acessibilidade nunca foi uma preocupação do ENEM.

    Em 2012 e 2013 o "boleto" para pagamento da inscrição só era aceito no Banco do Brasil.
    Não sei se isso mudou, provavelmente não.

  9. #9
    Web Hosting Master
    Data de Ingresso
    Apr 2012
    Posts
    667
    Citação Postado originalmente por Arr Ver Post
    A acessibilidade nunca foi uma preocupação do ENEM.

    Em 2012 e 2013 o "boleto" para pagamento da inscrição só era aceito no Banco do Brasil.
    Não sei se isso mudou, provavelmente não.
    não mudou, paga-se somente no BB (fiz ano passado o enem).

    Tente acessar o sistema deles por celular... uma lástima!

  10. #10
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Jul 2011
    Posts
    1,036
    Citação Postado originalmente por Arr Ver Post
    A acessibilidade nunca foi uma preocupação do ENEM.

    Em 2012 e 2013 o "boleto" para pagamento da inscrição só era aceito no Banco do Brasil.
    Não sei se isso mudou, provavelmente não.
    Pq não é boleto, é GRU.

Tags para este Tópico

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •