Resultados 1 a 2 de 2
  1. #1
    Super Moderador
    Data de Ingresso
    Sep 2010
    Localização
    Procurando...
    Posts
    4,106

    Data centers do Vale do Silício enfrentam falta d’água no estado da Califórnia

    Data centers do Vale do Silício enfrentam falta d’água no estado da Califórnia

    Em meio à seca mais intensa já registrada no estado da Califórnia e em outras partes da costa oeste dos Estados Unidos, centros de dados continuam necessitando de quantidades expressivas de água para os sistemas de ar condicionado, responsáveis pelos resfriamento dos servidores.

    Esses equipamentos sustentam inúmeras informações utilizadas por usuários da web em todo o mundo, desde as fotos postadas no Instagram até as maratonas de filmes acompanhadas pelos assinantes do Netflix.

    Segundo apuração do periódico Wall Street Journal, a Califórnia tem mais de 800 data centers, mais que qualquer outro estado norte-americano. As estimativas são da consultoria de tecnologia 451 Research, que exclui as salas de computadores menores utilizadas pelas pequenas, médias e grandes empresas de tecnologia.

    Com base nessas informações e nas estimativas de uso da água, as unidades que concentram os grandes servidores naquela localidade consumem em um ano o volume de água equivalente a aproximadamente 158 mil piscinas olímpicas.

    Em um momento no qual as autoridades estão pedindo aos garçons para não servir água aos clientes sem que eles peçam, o uso de água nos data centers tem escapado de um monitoramento mais detalhado por parte das autoridades locais.

    Além disso, embora a demanda de água dos centros de dados seja pequena em relação à de setores como a agricultura e os serviços de energia, por exemplo, o crescimento do consumo está complicando o setor de maior sucesso naquela região do mundo, com o problema ambiental.

    Os esforços do setor para uma eficiência maior foram direcionados até o momento apenas para o consumo de energia. Alguns operadores desses data centers estão procurando por formas de reduzir sua demanda dos sistemas municipais de água, reutilizando água já utilizada ou mesmo água de chuva.

    O portal especializado The Next Web aponta também que outros sites também estão construindo tanques de armazenamento gigantescos ou optando pela escavação de seus próprios poços artesianos.

    Os centros de dados não são os maiores consumidores de água da Califórnia. Porém, eles geralmente usam água tratada pelos municípios, assim como restaurantes e hotéis. A agricultura, que responde por cerca de 80% do consumo de água do Estado, pode usar água sem tratamento de riachos e lagos. Já o setor de produção hidrelétrica, o segundo maior consumidor de água do Califórnia, também pode às vezes usar água salgada.

    Na Califórnia, o governador Jerry Brown determinou que as cidades reduzam o consumo anual da água em pelo menos 25%. As empresas, no entanto, ficaram em grande parte livres dos cortes. Autoridades do Estado dão conta de que as restrições pretendem economizar água sem prejudicar a economia.

    Site: BIT Magazine
    Data: 06/07/2015
    Hora: 17h30
    Seção: ------
    Autor: ------
    Link: http://www.bitmag.com.br/2015/07/dat...falta-de-agua/
    Siga-nos em nosso twitter: @wht_brasil

  2. #2
    Membro
    Data de Ingresso
    Oct 2013
    Posts
    11
    Espero que as coisas melhorem por lá. Obrigado pela informação e pelo link.
    Amanah Tech Inc.
    Primeiro Provedor Canadense de Servidores Dedicados 100TB e Colocation 100TB.
    Email: sales@amanah.com | Skype: amanah.sales | +1 416 603 9825
    http://www.amanah.com

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •