Resultados 1 a 3 de 3
  1. #1
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,049

    Nubank começa a testar programa de fidelidade

    Consumidores selecionados poderão usar pontos acumulados no cartão roxo para pagar por despesas com passagens aéreas, hotéis e serviços como Uber e Netflix.

    Por Claudia Tozetto - O Estado de S.Paulo

    O Nubank, startup brasileira que oferece um cartão de crédito sem anuidade com gestão por meio de aplicativo, começa a testar seu programa de fidelidade na próxima segunda-feira, 12. A empresa selecionou um grupo de clientes que usam smartphones com sistema operacional Android para acessar a nova função. Eles passarão a acumular pontos de acordo com o valor das compras realizadas com o cartão, que podem ser usados para pagar passagens aéreas, diárias em hotéis, além de viagens com o Uber e mensalidades do serviços de streaming Spotify e Netflix.

    De acordo com a cofundadora e vice-presidente de desenvolvimento de negócios do Nubank, Cristina Junqueira, o programa de fidelidade do Nubank foi totalmente desenvolvido pela empresa. No total, uma equipe de 20 pessoas *– das 360 que compõem o time da startup – ficaram dedicadas ao projeto durante um ano. "Não queríamos ter um programa de fidelidade igual ao dos outros cartões", disse a executiva, em entrevista ao Estado. "Esperar até o fechamento da fatura para saber quantos pontos foram creditados não faz parte da experiência que queremos oferecer."

    Quem quiser fazer parte do programa de fidelidade terá de pagar uma anuidade de valor ainda não revelado pela startup – os primeiros 30 dias são grátis. Para os que não estiverem interessados no programa, o Nubank continuará a ser oferecido sem a cobrança de taxas. Segundo a startup, os testes do programa de fidelidade serão estendidos, a partir de outubro, também para usuários de iPhone. A empresa pretende abrir o programa de recompensas a todos os clientes até o final do ano.

    Como funciona. Os clientes do Nubank selecionados para o teste passarão a ver, a partir da próxima segunda, um convite para aderir ao programa de fidelidade. Para cada R$ 1 em compras, o usuário receberá 1 ponto. Na conversão para dinheiro, cada ponto valerá menos do que R$ 1, mas o Nubank não revela o valor da conversão. A diferença corresponderá à receita da startup com o programa de fidelidade.

    O saldo atualizado será exibido na tela principal do aplicativo e atualizado em tempo real, sempre que o usuário fizer uma nova transação com o cartão. Essa é uma vantagem em relação aos programas de fidelidade de outros cartões de crédito: como eles atrelam os pontos ao câmbio do dólar, é preciso esperar a fatura fechar para contabilizar os pontos acumulados no mês. Além disso, no Nubank os pontos ganhos não tem data para expirar.

    O programa de fidelidade da Nubank funciona de forma diferente dos similares, como Smiles e Multiplus. Em vez de acessar o site de um terceiro e pagar a passagem aérea com os pontos acumulados, o processo ocorre da forma inversa. O consumidor compra a passagem aérea ou reserva o hotel no site que preferir, pagando com o cartão Nubank. Depois, basta acessar o programa de fidelidade pelo próprio aplicativo e "apagar" a despesa usando os pontos. O valor é abatido da próxima fatura imediatamente.

    No aplicativo, apenas as despesas com passagens aéreas, hoteis, viagens com o Uber, além de Netflix e Spotify aparecem como elegíveis para a troca por pontos. Outras despesas realizadas pelo usuário – como compras em supermercados – não fazem parte do conjunto que pode ser "apagado" da fatura usando os pontos acumulados. Por enquanto, segundo Cristina, o Nubank não procura novos parceiros para o programa de fidelidade no momento, mas eles poderão ser ampliados no futuro.

    Estratégia. Com o programa de fidelidade, o Nubank espera atrair consumidores com renda maior que o dobro da média de seus clientes atuais. Segundo fontes do mercado, o acúmulo de milhas que podem ser usadas para trocar por passagens aéreas é a principal demanda desse público e fator de decisão na escolha do cartão de crédito. Em entrevista ao Estado no final de março, o presidente executivo do Nubank, David Vélez, revelou que ainda não atendia clientes de renda alta.
    http://link.estadao.com.br/noticias/...de,10000075037
    Última edição por 5ms; 11-09-2016 às 11:43.

  2. #2
    Web Hosting Guru
    Data de Ingresso
    Jul 2011
    Localização
    Redenção-Pará
    Posts
    333
    Vixe, cobrar anuidade para participar.
    Esperar ser liberado todas as informações para ver se vale a pena.
    O Bradesco por exemplo tem uma anuidade alta, mas, pelo relacionamento basta ligar na central que eles cancelam todos os anos a cobrança da anuidade.

  3. #3
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    15,049
    Citação Postado originalmente por redenflu Ver Post
    Vixe, cobrar anuidade para participar.
    Esperar ser liberado todas as informações para ver se vale a pena.
    O Bradesco por exemplo tem uma anuidade alta, mas, pelo relacionamento basta ligar na central que eles cancelam todos os anos a cobrança da anuidade.
    Da forma como foi descrito na matéria, o programa lembra "descontos para associados" de empresas conveniadas à sindicatos, clubes, etc, porém piorado.

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •