Resultados 1 a 8 de 8
  1. #1
    Novo Membro
    Data de Ingresso
    Apr 2017
    Posts
    1

    Alguém usa VPS da Turnkey Internet? Como é latência e Uptime?

    Olá amigos,

    Gostaria de saber a respeito de VPS da Turnkey Internet.
    Alguém usa e recomenda? É boa latência e uptime para o Brasil?

    Achei o valor interessante, baixo, mas não encontrei muitos reviews.
    Preciso de um serviço com bom preço mas totalmente gerenciado.

    Indicam alguma outra empresa que ofereça um serviço com bom preço e gerenciamento incluso?

    Obrigado

  2. #2
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    18,491
    Faz anos que utilizei a TurnkeyInternet de forma que caducou a experiência

    Porém, quanto à latência, o data center está localizado próximo de Albany, Upstate NY.

    A região de NYC (compreende parte de New Jersey) é rica em interconexões mas a latência vai depender da operadora do visitante. A Turnkey deve acrescentar uns 8ms RTT, assim como provedores em Buffalo e Montreal.
    Última edição por 5ms; 19-04-2017 às 22:03.

  3. #3
    Moderador
    Data de Ingresso
    Oct 2010
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    2,737
    PS: Não espere gerenciamento total não...

  4. #4
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    18,491
    Citação Postado originalmente por cresci Ver Post
    PS: Não espere gerenciamento total não...
    Falando genericamente, sem relação com a Turnkey, gerenciamento total é possivel -- cada um aqui é escravo de seus servidores -- mas o problema é quanto tempo o equipamento pode ficar indisponível sem afetar/arruinar o seu negócio. Certamente ter uma equipe de suporte competente 24x7 é fundamental mas não é suficiente para compensar um data center capenga ou equipamento meia-boca.

  5. #5
    Moderador
    Data de Ingresso
    Oct 2010
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    2,737
    Citação Postado originalmente por 5ms Ver Post
    Falando genericamente, sem relação com a Turnkey, gerenciamento total é possivel -- cada um aqui é escravo de seus servidores -- mas o problema é quanto tempo o equipamento pode ficar indisponível sem afetar/arruinar o seu negócio. Certamente ter uma equipe de suporte competente 24x7 é fundamental mas não é suficiente para compensar um data center capenga ou equipamento meia-boca.
    Digo, sem ele ser escravo do servidor - pra colocar a gerência na mão de outrem porque não se tem tempo ou conhecimento, requer um dispêndio de grana maior do que o simples valor de um VPS num dos provedores mais budget do mercado... E normalmente quem vai gerenciar é que pode melhor dizer o datacenter a ser escolhido...

  6. #6
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    18,491
    Citação Postado originalmente por cresci Ver Post
    Digo, sem ele ser escravo do servidor - pra colocar a gerência na mão de outrem porque não se tem tempo ou conhecimento, requer um dispêndio de grana maior do que o simples valor de um VPS num dos provedores mais budget do mercado... E normalmente quem vai gerenciar é que pode melhor dizer o datacenter a ser escolhido...
    Matou a pau!

    A implicação é que a ordem dos tratores altera o viaduto O primeiro passo seria encontrar a gerência adequada e só então cotar os provedores que atendem os requisitos definidos.

    Convém mencionar que "servidor gerenciado" é um assunto controverso e sujeito à interpretações entre as partes. Não faltam provedores que anunciam VPS "gerenciados" porque em alguma extensão todos são. É preciso ficar explicito quais serviços estão incluidos, frequência das manutenções preventivas, tempo para iniciar manutenções corretivas, recursos necessários e disponibilidade. Como o Cresci ressaltou, gerenciamento de servidor é um serviço caro, assim como niveis de suporte que oferecem pronto atendimento, reparos de hardware com prazos definidos, intervenções que envolvem software do servidor, IPMI, etc. Sem dúvida, AWS, Microsoft, DigitalOcean, Scaleway oferecem instâncias dispendiosas que justificam o custo do gerenciamento por terceiros, mas usualmente o gerencialmente "completo" está mais alinhado com servidor dedicado não gerenciado e colocation, exceto alguns provedores que vendem VPS e dedicados *realmente* gerenciados -- mas sempre a um custo "premium". Então o que fazer? Realismo. Adequar o equipamento, data center e orçamento para o nivel de serviço pretendido, ou reduzir a expectativa e prometer um serviço compativel com a despesa viável.
    Última edição por 5ms; 21-04-2017 às 13:35.

  7. #7
    WHT-BR Top Member
    Data de Ingresso
    Dec 2010
    Posts
    18,491
    Alternativas: agregar sócios com conhecimentos complementares; atrair investidores; ou focar no mercado compatível com a capacidade técnica, gerencial, comercial, financeira existente ( o que pode implicar simplesmente em contratar revenda de um provedor bem estabelecido)

    Geralmente discordo do Cresci quanto à frase "não existe almoço grátis" mas nesse caso ela se aplicaria.
    Última edição por 5ms; 21-04-2017 às 13:46.

  8. #8
    Moderador
    Data de Ingresso
    Oct 2010
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    2,737
    Pra detalhar mais:

    Serviços de VPS e dedicados com "full management" em geral se limitam, no mercado, a gerenciamento reativo (quase nunca proativo), através de pedido explícito via abertura de ticket (e em geral em horario comercial), e somente quando atrelado a algum painel de controle (Plesk, cPanel). O escopo do gerenciamento é limitado ao que o painel fornece, ou seja, é gerenciamento do painel e não do servidor em si. O preventivo em geral será rodar 1x por mês ou por semana algum chkrootkit da vida, rotacionar logs com scripts automáticos, fazer backups (não necessariamente testando os mesmos), e em geral tudo feito através de algum script master ou puppet/ansible da vida. Isso aí vai custar algo entre 50 e 150 US$ por mês no mercado, como média genérica. A parte de segurança talvez seja feita tb com firewalls e scripts automaticos, mas nada de pensar em se ter controle de ataque DDoS (isso custa MUITA grana).

    Em geral, as pessoas se iludem com o preço disso e acabam contratando, para só depois se dar mal quando percebem que não funciona se não se tem aquelas necessidades específicas, isto é, se sua necessidade está fora da curva. Não adianta exigir, espernear, ou ameaçar de processo ou de falar mal da empresa por conta de não atenderem - em geral o escopo está bem definido e bem limitado no contrato. Mas tem gente que prefere pagar pra ver... Pelo contrário, eu já vi empresa de gerenciamento de servidores que colocava backdoors na máquina para depois ameaçarem o pobre diabo caso ele quisesse deixar ou cancelar o serviço.

Tags para este Tópico

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •